Um neurocientista italiano está declaradamente convencido de que já existe tecnologia para realizar um transplante de cabeça humana.

De acordo com Dr. Sergio Canavero, membro do grupo de neuromodulação da Universidade de Turin, (Itália), o projeto baseia-se nos transplantes de cabeça bem sucedidos entre animais. Em 1970, Dr. Robert White, um neurocirurgião, completou com sucesso o procedimento entre dois macacos rhesus.

Canavero registra os esforços de White em um artigo sobre o tema, e acrescenta que “o maior obstáculo técnico para tal esforço, é naturalmente o restabelecimento do doador e receptor da medula espinhal”. Seu relatório continua a traçar um cenário possível e, adicionalmente, apresenta a tecnologia necessária o procedimento.

O método de Canavero, ao contrário de White, sugere que as espinhas vertebrais do receptor e do doador devem ser cortadas com uma lâmina bem fina, e mantidas a 18º C. O sangue da cabeça deve ser drenado para que as duas espinhas sejam ligadas, como chave de fusão da medula espinhal”.

Após o processo, seria necessário um estimulo por eletrofusão, método parecido ao aplicado no personagem Frankenstein. O neurocientista conta que a operação pode proporcionar às pessoas uma “quantidade substancial de vida extra”.

E qual seria o maior obstáculo? O financiamento, estimativas atualmente colocam a cirurgia ao redor da marca de US $ 13 milhões.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *



Contador de Visitas

curiosidades do mundo, noticias Curiosas, fotos curiosas, videos incriveis, sobrenatural, videos engraçados, super interessante, pegadinhas, mistérios