Homem sobrevive a 17 paradas cardíacas no mesmo dia

Postado por Rudney em 29 de novembro de 2013



John Gilmartin, de 41 anos, de Chaddesden, no leste da Inglaterra, pode se considerar o homem mais sortudo do mundo. Não… ele não ganhou na mega sena, o britânico simplesmente sobreviveu a 17 paradas cardíacas em um só dia.

O médico Gareth Hughes, que atendeu Gilmartin, depois dele ter o coração reiniciado 11 vezes em direção ao hospital e mais seis ocasiões no Royal Derby Hospital, conta que ele teve muita sorte não só por sobreviver. Segundo Hughes, pacientes que são submetidos a reanimações repetidas quase sempre sofrem algum tipo de dano neurológico, mas Gilmartin permaneceu em boa forma.

Tudo começou quando britânico estava em casa e resolveu se deitar após passar mal. Depois disso, ele acordou na sala de Unidade de Terapia Intensiva do hospital. “Eu nunca tive nenhum problema cardíaco. Sempre estive em forma e muito bem”, conta o homem.

“Minha família ficou em estado de choque. Minha mulher me deitou no chão e começou a fazer massagem cardiorrespiratória até os paramédicos chegarem. Havia uma grande chance de eu sofrer algum dano cerebral sem a massagem cardíaca”.

Durante o caminho até o hospital, os paramédicos tiveram que administrar os choques elétricos aplicados em Gilmartin para manter seu coração funcionando.

“É incrivelmente raro ter um resultado tão bem-sucedido. Ele não só sobreviveu aos ataques, como não sofreu nenhum dano neurológico”, diz Hughes, um dos 10 profissionais envolvidos no salvamento de Gilmartin.

“O fato de ele ser jovem e, provavelmente, ter funções cardíacas razoáveis com certeza o ajudou neste caso. Não há nenhuma razão para que ele não deva continuar a ter uma vida longa e frutífera”, concluiu Hughes.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *



Contador de Visitas

curiosidades do mundo, noticias Curiosas, fotos curiosas, videos incriveis, sobrenatural, videos engraçados, super interessante, pegadinhas, mistérios