Ironia do destino. Um barman e promissor jogador de hóquei morreu depois de bater sua BMW, apenas seis semanas depois que sua mãe lhe comprou o carro, pois ela achava que era um meio de transporte mais seguro do que a bicicleta que ele usava para ir ao trabalho.

Thomas Chevins, de 23 anos, morreu instantaneamente quando seu novo veículo saiu da estrada e atingiu uma árvore, enquanto o jovem dirigia de volta para casa depois do trabalho, em meio a uma tempestade.

Segundo o inquérito policial, sua mãe Chevin Heather, de 46 anos, recentemente comprou a BMW vermelha para o seu filho, porque ela estava preocupada com a segurança dele, enquanto viajava para o trabalho em sua bicicleta.

Antes de ganhar o carro, Chevins pedalava 17 km de sua casa em Market Drayton, para Eccleshall, na Inglaterra, onde trabalhava como barman.

De acordo com o médico legista Ian Smith, Chevins morreu de ferimentos múltiplos, incluindo um fígado rompido.

“Ele estava dirigindo seu automóvel para Market Drayton. Quando se aproximou de uma curva à esquerda, e não conseguiu completa-la, seu veículo saiu da estrada colidindo com uma árvore. Ele sofreu ferimentos fatais e foi certificado como morto no local”, afirma Smith.

“A estrada estava sem luz e estava chovendo no momento, a superfície da estrada estava molhada, e o veículo teve um pneu defeituoso”.

Em declaração, seu pai Mike, de 46 anos, sua mãe Heather e seus três irmãos mais novos, Jordan de 20 anos, Alfie de 15 e Harry de 13, disseram: “Ele era um jovem inteligente e bonito, que viveu a vida ao máximo. Suas paixões incluíam escrever romances e jogar hóquei”.

“Ele fará muita falta”, lamenta a família.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *



Contador de Visitas

curiosidades do mundo, noticias Curiosas, fotos curiosas, videos incriveis, sobrenatural, videos engraçados, super interessante, pegadinhas, mistérios